PUBLICIDADE

Topo

Blog da Sophie Deram

Quer manter o peso no inverno? Veja como se alimentar bem com 6 dicas

Sophie Deram

04/07/2018 04h00

Crédito: iStock

Não, não é coisa da sua cabeça: nós realmente pensamos mais em comida no frio. E não só pensamos, como também comemos mais. É algo biológico e natural. Nosso metabolismo fica mais acelerado para tentar manter a temperatura do corpo e, com isso, vem a fome!

Muitas pessoas se culpam por sentir mais vontade de comer nessa estação do ano e tentam fazer dietas restritivas ou pular refeições para "poder" comer depois. "Hoje à noite vai ter fondue, então melhor nem almoçar!". Já se viu diante dessa situação?

Bem, o que eu sempre tento explicar às pessoas é que elas não deveriam ter medo da própria fome, mas sim respeitá-la e rever o comportamento diante do alimento, para comer de forma mais consciente e moderada.

Ao nos privamos demais, elevamos as chances de comer em excesso quando nos "liberamos". Então, respeite suas vontades com bom senso! É claro que não dá para atravessar o inverno à base de comida em excesso e sem qualidade. Mas, ao cuidar bem do seu corpo, ele saberá lidar muito bem com um possível aumento da fome.

É importante estar disposto a manter qualidade e variedade no prato e observar o próprio comportamento. Reuni aqui seis dicas para que você tenha um inverno mais tranquilo, saudável e apetitoso!

1. Não pule refeições
No inverno, os eventos que giram em torno da comida são mais frequentes. Muita gente acha que é uma boa estratégia passar o dia todo em jejum para poder "se jogar" sem culpa nestes momentos. Mas a melhor coisa que você pode fazer pelo seu corpo é comer normalmente durante o dia, para que, na hora do evento, você esteja com uma fome normal e coma de tudo sem exagero, sem gula e sem culpa. Aproveitando o momento sem ansiedade diante da mesa!

2. Escute sua fome
Você não precisa comer de três em três horas, se não sente vontade. Mas é importante ter certa regularidade entre as refeições e não passar grandes períodos sem comer, especialmente no frio, quando o metabolismo está mais acelerado e o corpo precisa de mais energia. Então, tente fazer um planejamento mínimo do seu dia, para ter sempre algo a mão na hora da fome. Castanhas, nozes, queijos, frutas, bolo caseiro… Existem inúmeras fontes rápidas de energia que também são ricas do ponto de vista nutricional. Dê preferência a tudo que for in natura ou feito em casa.

3. Legumes, folhas e frutas: seja criativo
Você pode não achar um prato de salada fria muito atraente no inverno, quando o corpo quer mesmo as preparações mais quentes. A dica aqui é mudar a forma de preparo. Folhas como escarola, espinafre, couve e acelga vão muito bem refogadas. Elas podem acompanhar o arroz e feijão ou então servir como recheio para sanduíches, tortas, omeletes, crepes ou panquecas.

O mesmo vale para os legumes. Você pode caprichar nas combinações e no modo de fazer, como uma deliciosa salada de abobrinha com ricota e hortelã; ratatouille; batata e ovos cozidos temperados com salsinha; salada quente de chuchu com atum; etc. Os legumes assados também ficam muito saborosos e são super práticos de fazer, é só caprichar nos temperos de sua preferência e colocar no forno. O sabor de alguns deles ficam ainda mais acentuados quando assados, como beterraba, cenoura e abóbora cabotiá.

No caso das frutas, uma boa alternativa é combiná-las com especiarias e refogar na panela, aquecer no micro-ondas ou assar. Abacaxi, banana, maçã e pera são algumas das opções que combinam muito bem com canela, cravo e ervas frescas, por exemplo. Não precisa nem adoçar!

4. Sopinha, não. Sopa com sustança
A sopa é uma grande aliada no inverno, mas ela pode ser uma cilada, se não tiver ingredientes suficientes, porque provavelmente vai deixar você com fome. Então, procure caprichar e variar na escolha dos grãos, folhas, legumes e tubérculos. Você também pode colocar pedaços de frango ou de carne para que ela fique ainda mais completa e alimente de verdade. De preferência, faça a sua própria sopa, ao invés de se render à praticidade das instantâneas. Elas não trazem benefícios nutricionais e não saciam. Fazer sopa em casa é algo bem fácil e vai deixar o seu lar com um cheiro delicioso!

5. Escolha bons ingredientes
Vai tomar um chocolate quente? Escolha um bom, que você gosta e que tenha mais chocolate do que açúcar. Vai fazer uma macarronada? Prepare um molho com alimentos in natura, ao invés de comprar um pronto. Quer comer um doce? Que tal um caseiro, e porque não à base de frutas? Seu corpo é sua casa, cuide dele com carinho, escolhendo os melhores ingredientes.

6. Exagerou? Vida que segue
É normal exagerarmos mais no frio. Tenha consciência disso e se permita comer sem culpa. O interessante é tentar recuperar o equilíbrio depois. Se você comeu em excesso em um dia, sua fome provavelmente vai demorar para voltar. Tente retomar sua alimentação normal no dia seguinte.

Não é por conta de um sábado e domingo de "comilança" que tudo estará perdido e que, por isso, você pode comer de qualquer jeito durante a semana, ou pior, fazer uma semana de jejum. O corpo sabe lidar com o exagero desde que, de um modo geral, você coma com regularidade, qualidade e em quantidades moderadas, respeitando sua fome.

Seja no frio ou no calor, deveríamos cuidar do nosso corpo da mesma forma: escutando os sinais de fome e saciedade, comendo com consciência e sem culpa. Independente da época do ano, cuide do seu corpo com carinho e gentileza.

Bon appétit!

Sophie Deram

Sobre a autora

Sophie Deram é uma nutricionista franco-brasileira, autora do best-seller “O Peso das Dietas”, palestrante, pesquisadora e doutora pela Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo) no departamento de endocrinologia. Defende a importância do prazer de comer para a saúde e a ideia de comer melhor e não menos. Sophie não acredita nas dietas restritivas e no “terrorismo nutricional”. Desenvolve programas online para transformar a relação das pessoas com comida e ensina profissionais de saúde sobre nutrição que alia ciência e consciência.Leia mais no site da Sophie Deram: https://www.sophiederam.com/br/

Sobre o blog

Dicas, reflexões e estudos sobre a relação do nosso corpo com a comida, com foco em alcançar uma relação tranquila com os alimentos e, assim, obter um peso saudável. Esse é um espaço que passa longe dos modismos alimentares. Aqui promoveremos mudanças de hábitos que vão te ajudar a viver melhor. Acredito que o ser humano se nutre de alimentos e sentimentos.